Bafões   Diversão   Internet   Música   Noite   Notícias   Sensual   Shows   Twitter

Carnaval

   

Pré-carnaval Jangalove recebe reclamações nas redes sociais após preço de ingresso aumentar 200%

 

Grande parte do público entrou com cortesias e o preço inicial do ingresso que era R$ 20 no Sympla foi para R$ 60 na porta. Evento pediu donativos para atingidos pela chuva

A festa Jangalove teve outra edição chamada "Vem Quente de Verão" no sábado, (01/02), na Serraria Souza Pinto em BH. As atrações foram o cantor Silva, Pitaya Swing Safado, Quando Come Se Lambuza, DJ Valente, DJ Sandro, DJ Kingdom, Blass N Flass entre outras em um evento que começou as 18hs e foi até às 4h da manhã. 

O show mais aguardado foi do cantor Silva. Antes da apresentação, o público estava questionando que horas ele iria se apresentar por que o evento não tinha divulgado a programação com horários dos shows. Ele entrou no palco por volta das 3h da manhã e fez uma hora de show com hits de cantores baianos.

Os ingressos estavam à venda no Sympla por R$ 20 Reais antecipadamente e na porta o preço era R$ 60 Reais. Algumas pessoas ficaram indignadas com o aumento de preço sem aviso prévio. 

Cambistas estava vendendo cortesias que eram retiradas por divulgadores e repassadas para eles por R$ 50 Reais em média. Ferveção flagrou a situação na porta da Serraria Souza Pinto. 

O evento estava fazendo arrecadação de doações para os desabrigados da chuva. 

 

Jangalove aumenta em 200% preço de ingresso e público detona o evento nas redes sociais por pratica abusiva

A festa Jangalove "Vem Quente de Verão" no sábado, (01/02), na Serraria Souza Pinto em BH deixou indignados o público na portaria e nas redes sociais. O preço do ingresso aumentou 200% por cento sem aviso prévio na portaria do evento. A festa teve caráter beneficente pedindo doações para desabrigados das chuvas. 

Nas redes sociais o público detonou o evento questionando o aumento exorbitante no preço do ingresso. Teve gente também reclamando da falta segurança e organização na entrada. 

Grande parte do público entrou de graça sem pagar nada pegando cortesias na bilheteria. Muitas pessoas repassaram os ingressos para cambistas que fizeram a festa revendendo os ingressos por R$ 55 Reais. Ferveção flagrou a situação na porta da Serraria.

Teve reclamações da falta de clareza com a programação já que o evento iria durar quase 12 horas e a atração principal, o cantor Silva, não teve o horário do show informado. 

Tentamos entrar em contato com a assessoria de imprensa do evento que não deu retorno ou uma nota sobre as reclamações do público. 

             

COMENTE

Mande sua opinião


Nome:

E-mail:

Telefone:

Mensagem:
;

 

Mais Notícias

» Bloco Faraó faz ensaio geral gratuito na Fábrica em BH

 

» Ensaio do Bloco Beiço do Wando tem declaração de casal LGBT e atrai milhares no pré-carnaval de BH

 

» Ensaio do Bloco Alô Abacaxi esquenta o pré-carnaval de BH

 

» Super Bowl 2020: Shakira e Jennifer Lopez celebram latinidade no show do intervalo

 

» Praça Marília de Dirceu ainda está semi destruída em BH e bares seguem fechados

 

» Regina Duarte apaga post pós reclamações: "Resistência ideológica baterá forte"

 

» Chuva causa muita destruição na zona sul de BH; área de bares badalados é uma das mais atingidas

 

» Festival Planeta Brasil 2020 acontece no Mineirão mesmo após o dia mais chuvoso da história em Minas Gerais

 

» Dia mais chuvoso da história na Grande BH derruba o movimento das baladas

   
  

                                       

 

 FERVECAO.COM - Copyright (c)